..

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

^ ♥^Assim te sinto.. ^ ♥^..




Nunca vi o teu rosto,
Não sei o teu gosto,
Nunca senti o teu cheiro,
Mas, sinto-te por inteiro.

É a saudade ingrata
De uma paixão desenfreada,
Uma vontade de teu corpo
A mesma que sinto de teu rosto.

Venha sobre as nuvens,
Viaje no rabo de um cometa,
Me busque e beije-me por inteira.

A saudade do teu corpo
Dói no meu só de pensar em ti perdido,
Leve-me ao delírio e deixo-te enlouquecido.

(Márcia Rocha)

.^♥^
Darlene Alves.. ^ ♥^..

5 comentários:

Mila disse...

Nossa, uiii, adorei esse poema...bela escolha!
Bjs
Mila

*Mi§§ §impatia* disse...

Saudade do que nunca vivemos.....estranho isso né? Mas as vezes sinto isso.....
Linda semana amiga, beijos.

F@bio Roch@ disse...

Olá amiga,

Que beleza de poema...trágico, mágico...comovente, envolvente, atraente, ente, ente...

"Como dizia o poeta
Quem já passou por essa vida e não viveu
Pode ser mais, mas sabe menos do que eu
Porque a vida só se dá pra quem se deu
Pra quem amou, pra quem chorou, pra quem sofreu
Ah, quem nunca curtiu uma paixão nunca vai ter nada, não
Não há mal pior do que a descrença
Mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão
Abre os teus braços, meu irmão, deixa cair
Pra que somar se a gente pode dividir
Eu francamente já não quero nem saber
De quem não vai porque tem medo de sofrer
Ai de quem não rasga o coração, esse não vai ter perdão
Quem nunca curtiu uma paixão, nunca vai ter nada, não"
(Vinícius de Moraes)

ABRAÇO!!!

Izabel - In Memorian disse...

Olá!!
Conhecemos seu blog através da comunidade do orkut! Parabéns pelas palavras!
Estamos te seguindo! Conheça o nosso também.
Abraços!

Anjo Sedutor disse...

Anjo meu...
Sei que deves estar triste,
pois não tenho aparecido por aqui.
Tenho andado muito atarefado lá no céu,
mas meu pensamento continua em ti!
Espero que perdoes a minha ausência.
Trouxe um poema de minha autoria que postei
na minha nuvem "Anjo Seduzido" hoje:
Tu me seduzes...
Com teu perfume,
com teu sorriso,
com tua presença constante!
Estar pertinho de ti
torna a minha existência encantadora!
Não te afastes de mim...
Eu posso não sobreviver.
Tu não me vês,
mas me sentes.
Sou a brisa que te acaricia.
Sou a chuva que molha o teu rosto.
Sou aquele te protege
e te ama incondicionalmente!
Não me rejeites...
Posso não suportar.
Aceite-me como eu sou:
apenas um anjo sedutor!