..

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Perfídia do Amor...^ ♥^..


Tiro tua roupa
Como quem desembrulha
Um presente em papel fino.

Neste momento sou menino
Ou talvez, como os amantes
Que pela primeira vez
Furtivamente se encontram.
Extasio-me com tua beleza
Talvez, pela tua pureza
Tua pele, pétalas aveludadas.
São emoções embargadas
Fruto desta grande paixão
Em que emergiu meu coração.

Tomo-te em meus braços com ardor
Demonstrando a grandeza de meu desejo
Neste momento somos a perfídia do amor
De todo nosso amor.^♥^
(L.D.Robin®)

Ps; Recebi do meu amigo Robin pelo orkut...

Dα૨ℓ૯ท૯ Aℓ√૯ઽ....(",) ^♥^.

6 comentários:

Mila Lopes disse...

Olá Darlene!

Linda poesia!

O amor sempre nos faz meninos e meninas com o coração mergulhados na paixão, quando emergem aguenta coração, rsrs

Bjs linda

Mila

*Mi§§ §impatia* disse...

Vc sempre com esses textos lindos e sensuais......adoro amiga.
beijos.

Everson Russo disse...

Deliciosamente envolvente os versos,,,os caminhos a que se levam os toques do amor...beijos de bom dia pra ti querida.

ƸӁƷBeautiful Butterfly WomanƸӁƷ disse...

Uauuu!!amiga seu blog está cada vez mais lindoooo!!!!parabéns!!!obrigada pela visita em meu blog...beijos queridaaa!!

Everson Russo disse...

Beijo super carinhoso de bom dia, cheio de poesia e sorrisos....

Everson Russo disse...

Um otimo final de semana pra ti querida amiga...beijos de paz e poesia.