..

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Nunca te vi....s2

          Eu na verdade ainda nunca te vi
Nem pude de perto contemplar teu olhar
Eu ainda nunca senti o teu toque
Nem tão pouco senti o teu respirar..

Eu nunca te vi á minha frente mas imagino-te
E consigo sentir-te em em meus braços...

Já escutei a tua voz,o som melodioso dela encantou
Já vi o teu sorriso e escutei a tua gargalhada
e so com a tua risada fazes-me rir e viver
Ainda não senti as tuas mãos e nem o teu toque
Mas sinto-as suaves num abraço ao meu corpo...


Muitas fantasias me surgem na mente ao imaginar-te
Nunca te vi na minha frente , com os meus olhos
Mas o teu olhar sempre persegue os meus passos
Como uma sombra intocável, mas tão real
Nunca senti ainda o teu abraço e o teu calor
mas consigo sentir-te e abraçar-te
Abraço-te na minha imaginação...

Nunca te vi mas vejo-te a cada esquina do meu dia a dia
A tua presença jé é um hábito na minha vida
Nunca te vi mas com ânsia eu te procuro
Tento te ver e encontrar no meu futuro incerto
Tento te encontrar no meu olhar vago e distante
Tento te ver nos meus pensamentos longiquos
Então, ai sim, eu te procuro e te encontro...

E embora não saibas eu te tenho aqui comigo(em mim)
Será que sabes ,imaginas ou pensas em mim?
Eu não sei e nem quero saber ou pensar
Eu já penso por ti,por mim....por nós!
Eu nunca te vi ,mas observo-te como se fossemos só um
Eu nunca te vi ,mas tua imagem segue-me e persegue-me.
E o teu olhar ilumina o meu dia,o meu pensar e o meu caminhar

Nunca te vi... mas todos os dias te abraço e me fortaleço
Nunca te vi...mas sempre estivemos juntos sem estar

Nunca te vi... nunca te toquei... mas sempre te amei,
E para sempre te vou amar... 

(Gina)

╚╗╔╝♫(¯`••´¯).(¯`••´¯)
╔╝.(¯`••´¯).¸.•*❤*•.¸.•*(¯`••´­­­­­­­­­­­­­­­­­­­¯)
╚══*•.¸.•* .... ԼƠVЄ.... *•.¸.•*❤ YOU.


đα૨ℓ૯ท૯ αℓ√૯ઽ......♥/

3 comentários:

Ives disse...

Quanta intensidade! O amor é fogo que arde sem se ver...adorei a poesia que retratou-me essa frase! abração

Arnoldo Pimentel disse...

O amor está além da ausência.Lindo seu poema,parabéns.

Malu Silva disse...

Aqui, tudo terno e deslumbrante...
Eu gosto de lhe visitar!!
Beijinhos, Darlene!